terça-feira, 4 de novembro de 2008

Uma noite como as outras..

Ele sente-se cansado. Foi um dia particularmente longo e esquisito, mesmo para uma segunda-feira. Decide então dormir.
Abre a cama, tira as almofadas do roupeiro, coloca-as na cama de deita-se. Apaga a luz e tenta aconchegar-se mas mesmo assim não se consegue por confortavel. Após um minuto de voltas na cama à procura da posição confortavel, desiste por fim.
Põe-se a pé e vai tomar um banho quente. Enquanto está debaixo do chuveiro os pensamentos veem e vão.. pessoas, situações, conversas, emoções..
Enche as mãos com água fria no lavatorio e passa-as na cara. Levanta a cabeça e olha para o espelho mas não ve nada pois este está embaciado. Com um movimento firme passa a mão no espelho e vê agora o seu reflexo. Olha-se nos olhos à procura de algumas respostas que não encontra, mas mesmo assim sente-se tranquilo. Agora sim está pronto para ir dormir.
Volta para a cama e repete o ritual, agora sim consegue arranjar uma posição aconchegante na cama. Fecha os olhos e vê uma face feminina, com um sorriso familiar que lhe é querido.. ele sorri-lhe de volta e adormeçe..